A Organização Mundial de Empresas

Tecnologia: a chave para o futuro da resolução de litígios

images/noticias/ResolucaoLitigiosOnline_400_170.jpg

A Câmara de Comércio Internacional (ICC) – em parceria com o Centro Nacional para a Tecnologia e Resolução de Litígios (NTCDR) e o Global Pound Conference (GPC) – promoveu nos passados dias 12 e 13 de junho, em Paris, a Conferência Anual de Resolução de Litígios Online (ODR). A Conferência centrou-se na apresentação dos programas online que podem ser implementados para beneficiar os serviços de resolução de litígios, com todas as vantagens civis, sociais e comerciais daí resultantes.

A revolução digital arrebatou o mundo, mas os sistemas de resolução de litígios têm sido lentos a acompanhar este ritmo: a justiça continua a ser burocrática, morosa e cara e, muitas vezes, simplesmente inacessível – em particular para os que se encontram em economias emergentes, zonas de conflito e sítios remotos, onde as pessoas não beneficiam de sistemas judiciários capazes de resolver os seus litígios.

É aqui que entra a “Resolução de Litígios Online”. A ODR refere-se ao uso de tecnologias da informação e comunicação (TIC´s) para apoiar a resolução de litígios civis e comerciais. Apesar de as plataformas online existirem há cerca de 20 anos, o seu uso e potencial continua a ser pouco explorado. A 17ª edição da Conferência ODR desvendou os benefícios das TIC´s para melhorar o acesso à informação e justiça em todas as sociedades e explorar os desafios relacionados com o seu uso.

A comparação dos diferentes modelos de aplicação da ODR de diferentes países, o debate dos princípios éticos e padrões para a ODR, os desafios apresentados pela inteligência artificial e a exploração da variedade de plataformas de ODR atualmente em uso fizeram desta Conferência uma oportunidade única para considerar, discutir e debater alguns dos tópicos mais intrigantes da área.

Ao comentar o evento, o orador Colin Rule, Presidente e COO de Modria disse: “Juntamo-nos para discutir temas que dizem respeito a todos. Criar a resolução de litígios online apenas será bem-sucedida se todos os stakeholders contribuírem para esta área e partilharem a sua experiência”.

Consulte o Press-Release.

Os nossos Membros