A Organização Mundial de Empresas

A ICC apela aos líderes corporativos para que “salvem as nossas PMEs”

images/4._A_ICC_apela_aos_líderes_corporativos_para_salvarem_as_nossas_PMEs.jpg

A ICC apelou aos líderes das cadeias de fornecimento para que salvem as nossas PMEs durante a pandemia de COVID-19.

Ao observar a necessidade de uma liderança corporativa clara e baseada em princípios, a ICC emitiu um apelo às empresas multinacionais para preservarem as suas cadeias de fornecimento, operações e forças de trabalho uma vez que as repercussões económicas da pandemia de coronavírus (COVID-19) afetam as cadeias de fornecimento globais.

Como representante institucional de mais de 45 milhões de empresas em mais de 100 países, a ICC tem vindo a testemunhar os graves impactos do COVID-19 nas empresas e nas pessoas em todo o mundo - com as micro, pequenas e médias empresas (MPME) e os seus trabalhadores entre os mais afetados. O apelo à ação corporativa segue-se ao lançamento global da campanha Save Our SMEs da ICC, que teve início com um apelo à ação que incentivou os governos a garantirem que os esforços de estímulo fluam rapidamente para a economia real e forneçam apoio direto e imediato às MPME e aos seus trabalhadores.

Afirma: “Antes do início do COVID-19, muitas empresas multinacionais falavam da necessidade premente de adotar um capitalismo mais inclusivo, que colocasse todas as partes interessadas no centro do objetivo corporativo, incluindo funcionários, fornecedores e comunidades locais. Este momento difícil para as MPME representa uma oportunidade para os líderes da cadeia de fornecimento demonstrarem o compromisso com os seus objetivos de resposta ao COVID-19.”

Para salvar as nossas PMEs, os líderes globais da cadeia de fornecimento incentivam a:

  • Garantir a saúde e a segurança da força de trabalho na cadeia de fornecimento;
  • Manter contratos com fornecedores e / ou distribuidores;
  • Facilitar as operações comerciais contínuas da cadeia de fornecimento;
  • Insistir na integridade e na conduta comercial responsável; e
  • Advogar esforços de estímulo para a economia real.

O Secretário-geral da ICC John WH Denton AO referiu: “A pandemia da COVID-19 exige um esforço de toda a sociedade para reduzir a crise económica e proteger a vida e os meios de subsistência de milhões de trabalhadores das MPME. Isso inclui empresas multinacionais no seu compromisso com cadeias de valor globais. Não existe uma abordagem única para a liderança corporativa nesta crise sem precedentes, mas há muitas coisas que as empresas podem fazer, desde a modificação das condições de pagamento para fornecer o fluxo de caixa necessário aos fornecedores, até a concessão de alívio de crédito e renda aos distribuidores. Essa generosidade de espírito não apenas ajudará a manter a economia global à tona, mas também pagará dividendos e garantirá um retorno mais suave das atividades comerciais na recuperação pós-crise.”

Leia o apelo corporativo para salvar as nossas PME.

Leia o apelo inicial, focado no governo, para salvar as nossas PMEs

 

Consulte aqui a notícia completa. 

Os nossos Membros