A Organização Mundial de Empresas

ICC@100: os colaboradores globais da ICC

images/pages-de-2019-icc100-staff-twitter.png

A Cimeira do Centenário da ICC irá ter lugar em Paris na próxima semana, marcando o lançamento de uma série de comemorações globais sob o tema “The Next Century of Global Business”. A caminho destas celebrações, falámos com as pessoas que impulsionaram esta organização ao longo dos anos: os colaboradores da ICC.

Os colaboradores globais da ICC, dispersos por mais de 90 países, estão unidos por um conjunto de valores comuns e pela visão da ICC de permitir que o comércio assegure a paz, prosperidade e oportunidades para todos.
Falámos com quatro pessoas em quatro países para ouvir as suas perspetivas sobre a Organização Mundial de Empresas, e o que motiva o seu trabalho atualmente.

 

christian 1 236x300  Christian Francois

Christian Francois é o mais antigo funcionário da sede da ICC em Paris. Iniciou a sua carreira em 1972 aos 18 anos, ainda na anterior morada em Paris, 8th arrondisement. Um membro valioso na equipa da ICC, Christian recorda com carinho o quase meio século de trabalho na Mail Room, referindo que, para ele, a ICC foi como uma família ao longo destes anos. Tal não surpreende considerando que o seu pai, Marcel Francois, juntou-se à ICC em 1927, onde passou também toda a sua carreira.

Quando questionado sobre as mudanças que experimentou, Christian afirma que os colaboradores internacionais da ICC mais do que triplicaram ao longo da sua carreira, e que a tecnologia transformou o seu trabalho. Quando Christian começou a trabalhar, era-lhe não apenas pedido que carimbasse toda a correspondência da organização manualmente, como tinha de entregar e recolher certas embalagens utilizando o sistema de transportes públicos de Paris, o Metro.

A internet foi uma mudança colossal durante este período de trabalho para Christian, ao revolucionar o modo como comunica com os clientes e prestadores de serviços. Embora a tecnologia tenha evoluído muitas das vertentes do seu trabalho e tenha simplificado os processos da Mail Room, também criou e aumentou a pressão por parte dos clientes, que agora esperam uma entrega imediata. Christian tem acompanhado o ritmo da rápida evolução tecnológica, que tem tido um grande impacto no seu trabalho, sendo por isso descrito pelos seus colegas como “dinâmico”.

 

sabrina 269x300  Sabrina Klayman

Sabrina Klayman é External Affairs Advisor e Office Manager na Missão de Observadora da ICC nas Nações Unidas, sediada em Nova Iorque. Tendo entrado na ICC em Maio de 2018, Sabrina dá-nos uma perspetiva de recém-chegada sobre a Organização Mundial de Empresas no seu 100º aniversário.

Falámos com Sabrina sobre as suas expetativas para a ICC para o próximo século: acredita que a diversidade é o futuro do comércio global e quer defender a representação das minorias em organizações globais como a ICC. Sabrina e a equipa da ICC na ONU em Nova Iorque e Genebra estão a trabalhar para catalisar as contribuições das empresas para a implementação da Agenda 2030.

Sabrina diz que “Devemo-nos adaptar para refletir o panorama de mudança do comércio e do mundo. Acolher novas perspetivas, incluindo as dos mais jovens e pessoas de outras raças, é o único caminho para permanecer relevante nos próximos 100 anos”.

 

 Priyanka Satapathy

A ex-jornalista Priyanka Satapathy juntou-se à ICC Academy – o braço educativo da ICC – enquanto Communications and Events Manager em Maio de 2017, no setor da educação. Antes de se mudar para Singapura para assumir este cargo, Priyanka trabalhou para promover a educação para todos na Índia e na Escócia.

No seu trabalho na ICC Academy, valoriza o facto de conseguir “capacitar os profissionais com conhecimentos e colmatar as lacunas das suas competências” entre as várias indústrias em que a ICC Academy trabalha. Atualmente, têm cursos disponível em Comércio Internacional, Trade Finance, Marketing e Publicidade Éticos e Exportação e Importação.

Priyanka testemunhou um rápido crescimento do ICC Academy neste seu período de trabalho: desde 2017, os números de candidatos ao Academy mais do que duplicaram. Mas diz que há uma coisa que não mudou: o alinhamento do Academy com a visão da ICC – to make business work for everyone, every day, everywhere. “A nossa equipa em Singapura está comprometida em levar a educação de nível internacional da ICC às empresas de todo o mundo”, afirma.

E quanto ao futuro da Organização Mundial de Empresas? Priyanka acredita que a chave para que a ICC se mantenha adequada para cumprir os seus objetivos nos próximos 100 anos é a inovação. “Para tal, precisamos de nos manter no topo do panorama digital. Os meios de comunicação social desempenharão um grande papel nesta matéria”. Priyanka refere que o seu trabalho contribuiu para divulgar esta mensagem, o que lhe permite festejar o papel dinâmico que o Academy tem.

 

rogerioandbelinda 1 300x225  Rogerio Ghesti

International Policy Manager na ICC Reino Unido (ICC UK), Rogerio Ghesti desenvolve e é responsável pelo programa de políticas da ICC UK, fazendo a ponte entre os Membros da ICC no Reino Unido com a rede global da organização. Apesar da ICC UK ser um dos Comités Nacionais fundadores da ICC, Rogerio sublinha que ainda existe o desafio dos obstáculos comerciais e da criação de um programa de políticas relevantes. O seu objetivo para o futuro da ICC é continuar a alinhar as políticas da ICC UK à visão global da ICC e promover uma maior colaboração entre a ICC e outros Comités Nacionais nos 90 países. “Uma ação coletiva será a via do progresso em termos de desenvolvimento da ICC UK, e, por sua vez, do programa de política global da ICC”.

Rogerio é brasileiro e italiano, vivendo em Londres há 10 anos. Trabalhar num ambiente multicultural é um aspeto do seu cargo que realmente valoriza, bem como o de trabalhar em projetos que fazem a diferença no nosso dia-a-dia. A ICC UK está atualmente a trabalhar para melhorar a sustentabilidade dentro do mercado britânico, especialmente no setor bancário, uma das suas comunidades de Membros mais proeminentes. O papel da ICC UK neste objetivo é promover e educar os seus Membros para os benefícios da sustentabilidade financeira.

Rogerio descreve como “inspirador” o trabalhar em questões como a sustentabilidade financeira e a revolução tecnológica, dado que tem impacto no nosso quotidiano. “É entusiasmante ter um papel em tudo isto”, diz.

 

Hoje, a tecnologia é um tema urgente para a maioria das empresas e organizações, tendo impacto no trabalho e quotidiano de pessoas como Christian, Sabrina, Priyanka e Rogerio. 

 

Provavelmente o maior desafio do último século, a tecnologia será o principal tema da Cimeira do Centenário da ICC.

 

Siga o evento através do #ICCat100 ou leia mais no site ICC@100


Leia a notícia original aqui.

Os nossos Membros