A Organização Mundial de Empresas

Marco digital alcançado graças ao processamento do primeiro Carnet ATA eletrónico

images/ATA.jpg

Representando um marco importante na história do Carnet ATA, a ICC confirmou o sucesso do processamento da primeira versão eletrónica desta ferramenta de facilitação do comércio.

Os compromissos da ICC para simplificar os processos de documentação comercial foram reforçados pela primeira utilização real de um Carnet ATA digital - a ferramenta de facilitação de comércio internacional amplamente utilizada que permite a circulação de mercadorias isenta de impostos por um período de até um ano.

Emitido como parte do projeto piloto ' Mercury II' para digitalizar o Carnet ATA - lançado pela ICC em 2018 - o pioneiro suíço Carnet ATA 'CHBE20191834' foi ativado digitalmente pelas autoridades aduaneiras do aeroporto de Zurique em 20 de outubro de 2019. Este seguiu-se de outra transação digital de formalidades de exportação no mesmo dia. Duas semanas depois, em 1º de novembro, as mercadorias foram reimportadas da Suíça para o Canadá, declaradas pelo ICC ATA Carnet App e posteriormente processadas digitalmente pela alfândega do aeroporto de Zurique pelo portal ATA Carnet Customs.

O gestor da ICC ATA, Yuan Chai, referiu: "Estamos muito satisfeitos que o caso de teste tenha sido um sucesso, demonstrando que é possível lidar com os carnets ATA digitalmente e que tanto o conceito quanto a ferramenta digital podem se transformar de modo a funcionar bem no mundo real".

Em comentário sobre o teste bem-sucedido, Christian Modl, presidente da Alliance des Chambres de Commerce Suisses referiu: “A Suíça, enquanto membro fundador do sistema de carnet ATA, está orgulhosa em abrir caminho para o futuro digital do Carnets ATA. Cremos que a primeira transação eletrónica seja apenas o início de mais 65 anos da história de sucesso do sistema ATA.”

A ICC, como organização internacional que administra a cadeia de garantia internacional da Carnet ATA, está a liderar o projeto em andamento para digitalizar os Carnet ATA em cooperação com a Organização Mundial das Alfândegas (OMA). A verdadeira fase de testes continuará por 6 meses, graças ao apoio de seis países-piloto: Bélgica, China, Rússia, Suíça, Reino Unido e Estados Unidos.

Chai acrescentou: “Agradecemos aos membros da nossa equipa de projeto da Aliança das Câmaras de Comércio Suíças, a Câmara de Comércio e Indústria Holandesa, a Federação Belga de Câmaras, a Câmara de Comércio e Indústria de Londres, o Conselho de Comércio Internacional dos Estados Unidos Fornecedor de negócios e soluções UDITIS.”

Saiba mais sobre o sistema de gestão do ciclo de vida da ICC ATA Carnet neste vídeo de demonstração disponível em cinco idiomas no canal do YouTube da ICC.

Consulte a notícia completa aqui

 

Os nossos Membros